• Entrar / Cadastrar
MdI: Contratação de Serviços de Consultoria para Avaliação da Resiliência Climática das Infraestruturas da HCB
Consultoria & Trainamento
Maputo - Moz
42 dias 9 Horas | HCB | Limite: 06-07-2020 | +100 | +100 | +10
Sobre Concurso

A Hidroeléctrica de Cahora Bassa, S.A. (HCB) pretende contratar uma empresa especializada para realização de avaliação da resiliência das infraestruturas da HCB aos impactos das mudanças climáticas em conformidade com a guia de resiliência climática do sector hidroeléctrico.

 

O âmbito do serviço que se pretende contractar visa a concretização dos seguintes objectivos: 

- Capacitação e treinamento da equipa da HCB envolvida no projecto, sobre as Diretrizes de Resiliência Climática (guia de resiliência climática);

- Revisão dainformação existente (Relatórios existentes sobre a operação da HCB e outras informações disponíveis que possam ser úteis para o trabalho;

o Recolha de dados (deverá garantir encontros com a equipa do projecto para recolha de dados, o reconhecimento de toda área incluindo a montante e a jusante da barragem, para familiarizar-se com a área de operação da HCB);

- Análise de dados e do modelo a usar;

- Consulta aos Stakeholders;

- Avaliação da importância relativa das potenciais sensibilidades climáticas e não climáticas;

- Análise de robustez não climática;

- Análise de Robustez Climática.

 

Para tal, as empresas interessadas em participar neste concurso devem reunir os seguintes requisitos mínimos de elegibilidade:

1. Apresentar certidão de registo comercial e alvará que habilite a exercer a actividade;

2. Possuir a situação regularizada nas Finanças e Segurança Social, para tal deve apresentar certidão de quitação das Finanças e do INSS actualizadas;

3. Apresentar a declaração que não esta em processo de insolvência e recuperação;

4. Confirmar a não existência de qualquer situação de conflito de interesse;

5. Possuir robustez financeira, devendo para o efeito apresentar demonstrações financeiras da empresa dos últimos 03 exercícios económicos;

6. Possuir experiência comprovada na área supracitada, para o efeito, deverá:

a. A equipa chave será constituída por especialistas em ciências nas áreas afins, Ambiente, Hidrologia MeteorologiaRecursos Hídricos

b. Demonstrar que pelo menos um dos integrantes da Equipa possui conhecimentos profundos de Economia de Recursos hídricos e Desenvolvimento Social;

c. Possuir conhecimentos sobre métodos alternativos na tomada de decisão com base no risco e adaptação de sistemas aquáticos vulneráveis, considerando as incertezas sobretudo dos efeitos das mudanças climáticas;

d. Possuir experiência na compilação e análise de dados hidrometeorológicos, de recursos hídricos, económicos e na utilização de modelos de sistemas hidrológicos e de recursos hídricos;

e. O consultor principal, possuir o nível de doutoramento (PHD) em áreas como Ambiente HidrologiaMeteorologiaRecursos Hídricos Clima;

f. Possuir conhecimento e experiência prévia no uso de métodos tais como escalonamento de decisões constitui uma vantagem.

 

As empresas interessadas e que reúnam os requisitos mínimos de elegibilidade mencionados neste pedido, devem manifestar o seu interesse enviando um e-mail para o endereço: consultoria-resiliencia-climatica-infraestruturas@hcb.co.mz. As respostas à manifestação de interesse devem ser enviadas para o endereço acima mencionado até 17:00 horas do dia 06 de Julho de 2020.

Na referida Manifestação de Interesse, deverá constar no campo "Assunto" do e-mail o texto "HCBDSAConsultoria para Avaliação da Resiliência Climática das Infraestruturas da HCB 0352020".

Apenas serão contactadas as empresas que preencherem os critérios mínimos de elegibilidade.

O concurso será regido pelos procedimentos de aquisição de bens e serviços em vigor na HCB.

 

Tipo de Concurso
infraestruturas, mudanças climáticas, hidroeléctrico

CONCURSOS RELACIONADOS

Candidaturas para Participação do Programa de Desenvolvimento de Empreendedorismo
Empresa: Eni

Categoria: Consultoria & Trainamento

Serviços: empreendedorismo, agricultura, mecanica, HSE, Logistica
Limite: 21-05-2019
Candidaturas para Participação do Programa de Desenvolvimento de Empreendedorismo em 3 dias patrocinado pelo Standard Bank e pela Eni Rovuma Basin BV. No dia 31 de Outubro de 2018, o Standard Bank, S.A (doravante apenas “Standard Bank") e a Eni Rovuma Basin no âmbito da implementação do Plano de Conteúdo Local do Projecto Coral Sul, assinaram um Memorando de Entendimento para a implementação conjunta de um Programa de Desenvolvimento Empresarial com o objetivo de promover ligações comerciais e oportunidades para as Pequenas e Médias Empresas (PMES) Moçambicanas. Como parte deste Memorandum, o Standard Bank e a Eni Rovuma Basin, estão a receber candidaturas para um bootcamp, destinado à PMEs Moçambicanas, com o objectivo de as apoiar a validar os seus modelos de negócio, de maneira a garantir sustentabilidade e escalabilidade. O bootcamp, será dado pela ideiaLab, e é uma imersão de 3 dias que terá lugar nos dias 29, 30 e 31 de Maio do corrente ano. Durante o bootcamp, os participantes terão a oportunidade de utilizar metodologias que irão permitir avaliar, melhorar, desenhar e comunicar os seus Modelos de Negócio. O programa será realizado na Incubadora de Negócios do Standard Bank, localizada na Rua de Desportistas, nº 119, 1º andar. A participação é gratuita e todos os materiais e refeições são da responsabilidade dos organizadores. CRITÉRIOS DE ELEGIBILIDADE PARA O PROGRAMA: 1- Um negócio formalmente registado em Moçambique com toda a documentação da empresa em ordem e válida, ou seja, a. Um Alvará válido; b. Cópia do Boletim de República; c. Registo comercial; d. Prova do endereço comercial. e. NUIT da empresa; 2- Pelo menos 2 anos de actividade, com receita anual comprovada; 3- Exclusões em termos de tipos de entidades: não serão aceites candidaturas de ONGs, Associações, Embaixadas, Fundações, Instituições Governamentais e religiosas; 4- Os candidatos devem ter uma empresa que se enquadre em uma das seguintes áreas de actividade: a. Agricultura; b. Energia renovável; c. Serviços de lavandaria; d. Fabrico de móveis e. Transporte de mercadorias; f. Serviços logísticos; g. Armazenagem; h. Transporte de pessoas; i. Mecânica; j. Construção civil; k. Construção de estradas; l. À Fabrico de móveis; m. Serviços de alimentação; n. Gestão de instalações; o. Agências de recrutamento; p. Gestão de resíduos; q. Saúde e segurança no trabalho; 5- Será considerada uma vantagem, as candidaturas de empresas: • Fundadas por mulheres • Fundadas por jovens empreendedores (com menos de 35 anos) • Empresas que adoptem princípios de economia circular; 6- Para conclusão do curso, a participação nos 3 dias, das 8h às 17h, é obrigatória. 7- Será selecionado apenas um participante por empresa. Caso esteja interessado em se candidatar para este programa, preencha o formulário de candidatura no seguinte link: https: forms.glezioLV5MV9x0GGUVa8 até ao dia 21 de Maio de 2019 ás 23:59h. Os candidatos pré-seleccionados terão que apresentar a documentação indicada acima. Qualquer dúvida pode ser direcionada para o seguinte endereço electrónico: incubadorastandardbank.co.mz. Os candidatos pré-seleccionados serão notificados por e-mail até 24 de Maio de 2019. A seleção final depende da apresentação atempada da documentação solicitada.  
Detalhes
MDI para a implementação do programa de desenvolvimento de meios de auto-suficiência sustentáveis nas comunidades de Cabo Delgado
Empresa: INP
Categoria: Consultoria & Trainamento
Serviços: desenvolvimento comunitário
Limite: 03-07-2019
Unidade Gestora Executora das Aquisições   SOLICITAÇÃO PARA A MANIFESTAÇÃO DE INTERESSE   Serviços de consultoria para a implementação do programa de desenvolvimento de meios de auto-suficiência sustentáveis nas comunidades de Cabo Delgado.   Com objectivo de capacitar e consolidar as habilidades técnicas e de gestão de pequenos negócios, em particular, nas áreas de avicultura e horticultura, o Instituto Nacional de Petróleo (INP), no âmbito dos Projectos Sociais, pretende promover o desenvolvimento das comunidades locais ao nível da província de Cabo Delgado (Distritos de Palma, Nangade, Mocímboa da Praia, Mueda e Macomia), através do fomento e estabelecimento de pequenos empreendedores. São objectivos estratégicos transformar os beneficiários em Pequenos Avicultores Comerciais Emergentes (PACEs), capacitá-los e consolidar as suas habilidades técnicas e de gestão de negócios; promover o agronegócio nas cadeias de avicultura e horticultura; estabelecer uma cooperativa de PACEs para o processamento de frangos e hortícolas; doptar as pessoas das comunidades de habilidades profissionalizantes para o aumento da sua empregabilidade; e providenciar um fundo para o início de produção própria nos distritos de origem. As áreas de treino deverão ter um carácter diverso (agro-processamento de carnes, peixes, produtos de frutíferas, fruticultura, criação de pequenos animais bovinos, caprinos, ovinos, etc.). Para o efeito, o INP convida as empresas de consultoria elegíveis, nacionais ou estrangeiras, com um mínimo de 5 (cinco) anos de comprovada experiência em lidar com trabalhos similares relevantes, com capacidade, instrumentos e metodologia para o treino motivação de empreendedores em diversas áreas de conhecimento, a apresentar as suas propostas de manifestação de interesse. Esta solicitação para manifestação de interesse visa a contratação de uma empresa que deverá prestar serviços de consultoria para a implementação do programa acima referido, cujos Termos de Referência deverão ser levantados, a título gratuíto, no edifício-sede do INP, situado na Rua dos Desportistas, Aterro de Maxaquene, Parcela nº 259E, Cidade de Maputo, a partir do dia 12 de Junho corrente, das 07:30 horas às 15:30 horas. A manifestação de interesse deverá ser acompanhada de Alvará compatível com o objecto da consultoria e do Certificado de Inscrição no Cadastro Unico da Direcção Nacional do Património do Estado ou de documentos comprovativos de qualificação técnica, jurídica, económico-financeira e fiscal da empresa ou equivalentes para o caso de empresas estrangeiras, e deverá ser submetida em triplicado, num envelope lacrado e devidamente identificado, para o endereço acima indicado, até o dia 03 de Julho de 2019. A selecção e todo o procedimento de contratação será feito de acordo com o Regulamento de Contratação de Empreitada de Obras Públicas, Fornecimento de Bens e Prestação de Serviços ao Estado, aprovado pelo Decreto nº 52016 de 8 de Março. Qualquer dúvida ou necessidade de informação adicional, não hesitem em contactar-nos no endereço acima referido, de 2ª a 6ª Feira, das 7:30h às 15:30h ou através do número: +258839511000.   A Autoridade Competente     Ilegível %>
Detalhes
A Plataforma EWYNZA usa "cookies" para lhe proposcionar melhores serviços. Para mais informações sobre Cookies e na nossa política de privacidade, visite Política de Privacidade.