Gemfields interrompe operações em Moçambique após ataque a mina de rubi nas proximidades

Por: Abudo Omar
Data: 21/10/ 2022
Visualizações: 205


Instalações de mina da Gemfields Group (clubofmozambique)

A mineradora de gemas preciosas Gemfields Group interrompeu as operações em sua mina de rubi Montepuez, na província de Cabo Delgado, em Moçambique, depois que um ataque relatado em uma instalação próxima, informou na quinta-feira.

“Esta manhã, um ataque atribuído à actividade insurgente foi relatado na mina de rubi vizinha pertencente a Gemrock, que fica a aproximadamente 12 quilômetros (7,46 milhas) a sudeste das operações… na qual a Gemfields detém 75% de participação”, disse a Gemfields num comunicado.

A província de Cabo Delgado, no norte de Moçambique, viu uma insurgência ligada ao Estado Islâmico que custou milhares de vidas desde que eclodiu em 2017, interrompendo projectos multibilionários de gás natural e mineração.

A Gemfields disse que começou a evacuar funcionários e contratados, mas o pessoal de segurança e a polícia moçambicana permanecerão no local. Militares de Moçambique estavam a chegar ao local, acrescentou.

Em Julho, a Gemfields relatou um ataque a cerca de 30 quilômetros (19 milhas) de distância das suas operações em Montepuez, mas não interrompeu as operações.

A mina de rubis Montepuez da Gemfields produziu 83.990 quilates de rubis premium em 2021 e gerou mais de US$ 800 milhões em vendas desde 2014.

Fonte: Club of Mozambique


Notícias Destacadas

Notícias Recentes