Sisi recebe ministros participantes da 24ª Reunião Ministerial do GECF

Por: Abudo Omar
Data: 26/10/ 2022
Visualizações: 174


Recebção de ministros que participam da 24ª Reunião Ministerial do Fórum dos Países Exportadores de Gás (clubofmozambique)

O presidente Abdel Fattah El Sisi, do Egipto, recebeu, na terça-feira, os ministros que participam da 24ª Reunião Ministerial do Fórum dos Países Exportadores de Gás (GECF), que está actualmente em sessão no Cairo na presença do ministro do Petróleo, Tarek Al Molla.

O porta-voz presidencial Bassam Radi disse que o presidente Sisi afirmou sobre a importância do papel desempenhado pelo Fórum dos Países Exportadores de Gás (GECF) no sector de energia em nível regional e internacional.

O presidente afirmou a necessidade de intensificar os esforços e a cooperação em todos os eventos relacionados para aproveitar ao máximo o gás natural, contando com a participação de todos os membros do fórum na conferência do clima da ONU, COP27, para esclarecer a capacidade do gás natural em alcançar os equilíbrio entre a prosperidade das nações e a preservação do meio ambiente.

O ministro do Petróleo, Tarek el Molla, disse no discurso inaugural que o encontro visa orientar a dinâmica da transição energética especialmente no campo do gás natural e impulsionar a cooperação entre os países do fórum.

Ele destacou que os recentes desenvolvimentos e tensões testemunhados no mundo causaram flutuações no mercado de energia e isso levou a um desejo global de enfrentar as mudanças climáticas e alcançar a segurança energética para apoiar o desenvolvimento sustentável.

Molla disse que a segurança energética e a protecção climática são dois objectivos integrados, acrescentando que o Egipto deseja uma rápida adaptação e se beneficia das oportunidades para alcançar mais progresso e prosperidade.

O papel do gás natural globalmente é fundamental, disse ele, acrescentando que o fórum é uma plataforma importante e crucial para o diálogo sobre todas as actividades da indústria de gás natural.

O Egipto acredita na importância de impulsionar aspectos da cooperação para o interesse de todos os povos para superar todos os desafios e alcançar grandes sucessos e apoiar a cooperação econômica entre os países, disse Molla.

Ele elogiou o papel positivo do fórum em reunir aqueles que têm interesse comum na área de gás, afirmando a vontade do Egipto em trabalhar com todos os estados membros do fórum para desenvolver soluções e novas parcerias.

A Reunião Ministerial é o órgão supremo do Fórum e se reúne uma vez por ano de acordo com o Estatuto do GECF.

O GECF foi criado em 2001. Em 2008, foi transformado numa organização governamental internacional com sede em Doha, capital do Qatar.

O GECF é composto por 19 países membros, com Argélia, Bolívia, Egipto, Guiné Equatorial, Irão, Líbia, Nigéria, Qatar, Rússia, Trinidad e Tobago e Venezuela como membros, e Angola, Azerbaijão, Iraque, Malásia, Moçambique, Noruega, Peru e Emirados Árabes Unidos como Observadores.

Juntos, eles representam 72% das reservas mundiais comprovadas de gás natural, 43% da produção comercializada, 55% das exportações por gasoduto e 50% das exportações de GNL.

Fonte: Club of Mozambique


Notícias Destacadas

Notícias Recentes