Fundo estatal da Arábia Saudita contrata bancos para IPO da ADES, dizem fontes

Por: Abudo Omar
Data: 23/11/ 2022
Visualizações: 129


Plataformas de perfuração auto-elevatórias da Seadrill (oedigital)

O fundo soberano da Arábia Saudita está a planear uma oferta pública inicial (IPO) da empresa de perfuração de petróleo e gás ADES International em Riad no próximo ano, que pode render mais de US$ 1 bilião, segundo duas fontes que não quiseram ser identificadas porque o assunto não é público.

O Fundo de Investimento Público (PIF) seleccionou o JPMorgan, o Goldman Sachs, o braço de banco de investimento do Saudi National Bank e o EFG Hermes, com sede no Egipto, como gerentes principais conjuntos, disseram as fontes.

O PIF, o EFG Hermes e o Saudi National Bank não responderam imediatamente aos pedidos de comentários quando contactados pela Reuters na segunda-feira.

JPMorgan e Goldman Sachs se recusaram a comentar.

A ADES International foi listada na Bolsa de Valores de Londres em 2017. No ano passado, a PIF fez parceria com os principais accionistas da empresa, ADES Investments Holding e Zamil Group Investment Co, para torná-la privada.

O negócio avaliou a ADES em $ 516 milhões na época.

A ADES conta com a gigante petrolífera estatal Saudi Aramco e Kuwait Oil Co como seus clientes, bem como joint ventures de petrolíferas nacionais com grandes empresas globais, incluindo BP e Eni, de acordo com informações em seu site.

Possui uma frota de 84 plataformas onshore e offshore em seis mercados: Arábia Saudita, Kuwait, Qatar, Egipto, Argélia e Tunísia.

O PIF, que tem mais de US$ 600 biliões em activos, está a vender parte das suas participações em empresas que possui para reciclar capital para novos investimentos.

No início deste mês, levantou US$ 610 milhões com a venda de uma participação de 10% no Saudi Tadawul Group, o proprietário listado e operador da bolsa de valores do reino, por meio de uma oferta de bookbuild acelerada.

Fonte: Offshore Engineer


Notícias Destacadas

Notícias Recentes