• Entrar / Cadastrar
blog entry

Parte da plataforma flutuante para extração do gás estará pronta em Julho

Uma das infra-estruturas que vai viabilizar a produção do gás natural na Bacia do Rovuma, província de Cabo Delgado, está em construção em Busan, segunda cidade mais populosa e principal centro económico da Coreia do Sul, na Ásia.

 

Com o actual nível de acabamento, a Samsung prevê entregar a embarcação pronta em finais do ano 2021 ao consórcio liderado pela empresa italiana Eni. Antes disso, em Setembro deste ano, arrancam as perfurações e a instalação de equipamento submarino na Bacia do Rovuma.

 

Caberá a BP comprar toda a produção do projecto Coral Sul, isto é, cerca de 3,4 milhões de toneladas de gás ao ano, durante 20 anos, conforme explica o Presidente do Conselho de Administração do Instituto Nacional de Petróleo, Carlos Zacarias.

 

Além do Coral Sul, cuja decisão final de investimento foi aprovada em 2017, há mais um projecto na área 4, chamado Rovuma LNG, operado pela Mozambique Rovuma Venture, um consórcio liderado pela ExxonMobil, cujo plano de desenvolvimento foi aprovado recentemente.

 

Nesta terça-feira, as empresas com participações na área 4 do Rovuma testemunharam a montagem do primeiro bloco na plataforma em construção na Coreia do Sul, entre elas, a moçambicana ENH, Galp, Kogas e CNPC, com 10% cada e a Eni e ExxonMobil com 25% cada.

 

Fonte: Jornal O PAÍS

 

RELACIONADAS

Comentários

RECENTES