• Entrar / Cadastrar
blog entry

Petroleiro BP abriga no Golfo Pérsico com medo de retaliação no Irão

Um petroleiro, administrado pela BP, foi mantido dentro do Golfo Pérsico, com medo de que o Irão possa ser tomado por uma reação imediata à prisão de Gibraltar, na semana passada, por um navio transportando petróleo bruto da República Islâmica.

O British Heritage, capaz de transportar cerca de 1 Mmbo, estava a navegar em direção ao terminal de petróleo de Basrah, no sul do país, quando fez uma virada abrupta no dia 6 de Julho. No momento encontra-se fora da costa da Arábia Saudita e uma pessoa com conhecimento do assunto diz  que a preocupação da BP é que ela possa se tornar um alvo se o Irão tentar retaliar a apreensão perto de Gibraltar - pela Marinha Real Britânica, do petroleiro Grace 1 na quinta-feira.

O navio, registado na Ilha de Man e voando sob a bandeira britânica, havia sido afretado pela Royal Dutch Shell para transportar petróleo bruto de Basrah para o noroeste da Europa, segundo dados de rastreamento e corretores de navios. Ele não colectou essa carga e a reserva foi cancelada.

O Património Britânico não poderá sair do Estreito de Ormuz, o ponto de estrangulamento através do qual cerca de um terço dos movimentos globais de petróleo transoceânico, sem navegar perto da costa do Irão, colocando-o em risco maior.

O vice-ministro das Relações Exteriores do Irão disse no domingo que considera a apreensão de Gibraltar um acto de pirataria, enquanto um ex-líder da Guarda Revolucionária do Irão disse que a República Islâmica deveria aceitar um navio-tanque britânico em resposta.

Fonte: Worlid Oil

RELACIONADAS

Comentários

RECENTES