Petrolíferas da Costa do Golfo retornam à recuperação de Ida enquanto a tempestade Nicholas recua

Por: Abudo Omar
Data: 21/09/ 2021
Visualizações: 43


Plataforma da Royal Dutch Shell (oedigital)

As empresas de energia trabalharam para restaurar o serviço de dutos e electricidade após a passagem da tempestade tropical Nicholas na semana passada, permitindo-lhes voltar a reparar os danos significativos causados ​​pelo furacão Ida há duas semanas.

Nicholas, rebaixado para uma depressão tropical, causou chuvas, inundações e quedas de postes de energia no Texas e na Louisiana, onde algumas refinarias permaneceram desligadas após o furacão Ida. A tempestade anterior interrompeu a maior parte da produção de petróleo e gás offshore do Golfo dos EUA.

Colonial Pipeline, a maior linha de combustível dos EUA, retomou as operações parciais, e a empresa disse que restauraria o serviço na sua linha de destilados o mais rápido possível.

A Royal Dutch Shell interrompeu a produção na sua plataforma de petróleo offshore de Perdido devido aos fortes ventos causados ​​por Nicholas, e a produtora americana de gás natural liquefeito Freeport LNG disse que o processamento na sua instalação na costa do Texas foi interrompido, provavelmente devido a uma queda de energia.

Nicholas causou quedas de postes de energia generalizadas ao cruzar a área metropolitana de Houston na noite de segunda-feira e na manhã de terça-feira passada, mas as concessionárias restauraram a energia para mais de 400.000 clientes durante o dia na terça-feira.

Esperava-se que a tempestade ao longo das costas do nordeste do Texas e da Louisiana diminuísse na manhã de quarta-feira, de acordo com o National Hurricane Center.

Mais de 39% da produção de petróleo bruto e gás natural do Golfo do México dos EUA permaneceu fechada na terça-feira, disse o órgão regulador de perfuração offshore de Segurança e Fiscalização Ambiental (BSEE), após a passagem do furacão Ida pela Louisiana.

Cerca de 720.000 barris por dia (bpd) de produção de petróleo bruto e 1.075 biliões de pés cúbicos por dia de gás estavam offline, enquanto 39 plataformas de produção continuaram a ser evacuadas.

As principais refinarias de petróleo da Louisiana estavam a trabalhar para reiniciar após o furacão Ida, incluindo as refinarias da Valero Energy Corp em St. Charles e Meraux e a refinaria da PBF Energy em Chalmette.

 

Fonte: Offshore Engineer


Notícias Destacadas

Notícias Recentes