Nexans preparada para abrir fábrica de cabos submarinos na Carolina do Sul

Por: Abudo Omar
Data: 25/10/ 2021
Visualizações: 44


Instalação da Nexans (oedigital)

A fabricante francesa de cabos offshore e empreiteira de instalação Nexans deve inaugurar oficialmente a sua planta de cabos submarinos de alta tensão transformada em Charleston, Carolina do Sul, em 9 de Novembro.

"Ele apoiará o mercado eólico offshore dos EUA em rápida expansão, com potencial de crescimento de 13% ao ano até 2030, gerando até $ 70 biliões de investimento de capital e adicionando 20 GW de energia por ano, de acordo com a Agência Internacional de Energia (IEA)," Nexans disse esta semana sobre as suas novas instalações.

"A planta submarina de alta tensão de Charleston é parte de uma ampla cadeia de suprimentos que está sendo desenvolvida para apoiar a energia eólica offshore. No fim de 2021, a Nexans terá criado mais de 200 novos empregos para a indústria eólica offshore", disse a empresa.

No início deste ano, a Empire Offshore Wind, uma joint venture eólica offshore entre a Equinor e a BP, seleccionou a Nexans como fornecedora preferencial para conectar os projectos offshore da Empire Wind em Nova York à rede onshore.

Os projectos chave na mão cobrem todo o design e fabricação, bem como a colocação e protecção de mais de 300 km de cabos de exportação que fornecerão electricidade a mais de um milhão de residências.

A Nexans planea usar o seu navio Nexans Aurora recentemente entregue para operações offshore no projecto.

O Empire Wind está a ser desenvolvido pela Equinor e BP por meio da sua parceria estratégica 50/50 nos EUA.

O Empire Wind está a planear para uma área de 80.000 acres, em águas federais, uma média de 33 km ao sul de Long Island, a leste de Rockaways.

Dois sistemas de cabos conectarão a subestação offshore do Empire Wind 1 ao landfall e à subestação em Brooklyn, Nova York. Em contraste, o Empire Wind 2 se conectará a Long Island por três cabos paralelos.

Fonte: Offshore Engineer


Notícias Destacadas

Notícias Recentes